Ceratoacantoma

Atlas de imagens

Tumor benigno de crescimento rápido originado do folículo piloso que, se não tratado, regride espontaneamente. Deve ser diferenciado clínica e histologicamente do carcinoma espinocelular. Atinge mais os homens brancos acima dos 60 anos de idade. Ocorre mais na pele exposta ao sol, da face e pescoço (74%) e dorso das mãos (17%).

Inicia-se por uma pápula vermelha que lembra o molusco contagioso. Em poucas semanas ocorre um crescimento rápido da lesão que atinge 1 a 2 cm de diâmetro, mostrando uma cratera central preenchida por massa córnea. Permanece estática por 2 a 3 meses, para regredir espontaneamente após um tempo médio de 6 meses, deixando uma cicatriz. Normalmente é uma lesão solitária. Existem os ceratoacantomas múltiplos, o gigante e o marginado centrífugo.

O tratamento pode ser feito com curetagem e coagulação da base, exérese e sutura, 5-fluoruracil tópico ou methotrexate intralesional.

SUGESTÕES DE LEITURA

Conjunctival keratoacanthoma

Queratoacantoma subungueal: reporte de un caso / Subungual keratoacanthoma: report a case

Ceratoacantoma: aspectos imuno-histoquímicos diferenciais do Carcinoma de Células escamosas / Keratoacanthoma: immunohistochemical differential: aspects from squamous cell carcinoma

Se deben considerar a los queratoacantomas carcinomas espinocelulares bien diferenciados: presentación de dos nuevos casos / They should be considered the queratoacantomas carcinomas well differentiated espinocelulares: presentation of two new cases

Tratamento do ceratoacantoma gigante com o 5-fluorouracil tópico / Treatment of giant keratoacanthoma with topic 5-fluorouracil

Intralesional methotrexate treatment for keratoacanthoma tumors: a retrospective study and review of the literature.

Multiple keratoacanthomas in a young woman: report of a case emphasizing medical management and a review of the spectrum of multiple keratoacanthomas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *